GORDINHO NADA FELIZ

Publicado em 28/04/2018 00:04

Ah Camila, já me conformei: prefiro ser feliz e gordinho mesmo. Esse negócio de cortar tudo e ficar sem comer não é pra mim.
Sim, escuto muito isso.
Vou ser gordinho e feliz ao invés de magro e triste.
Bom, há controvérsias.
Mas, independente de considerar que quando você se sente melhor com seu corpo, você realmente fica mais feliz e que se “conformar” em ser gordinho é apenas mais uma desculpa e um reforço para continuar com hábitos ruins; ser gordinho pode não ser tão vantajoso assim.
Talvez você não fique tão feliz por “poder” comer o que quiser.
Pesquisas recentes indicam que vários casos de câncer poderiam ser evitados através de mudanças no estilo de vida.
Alguns estudos apontam que 37% dos diagnósticos de cânceres estão relacionados aos maus hábitos.
Claro que o pior deles é fumar
Parar de fumar diminui muito o risco de diversos tipos de câncer.
O que assusta é que o excesso de peso foi a segunda maior causa evitável de câncer.
Isso equivaleria a cerca de 7,5% casos de câncer em mulheres e 5,2% em homens.
A obesidade causa mais de 13 tipos de câncer, incluindo intestino, mama, útero e rim.
E os resultados dos estudos sugerem que mais de um em cada 20 casos de câncer poderiam ser evitados pela manutenção de um peso saudável.
Por isso é bom rever a lógica do gordinho feliz.
E é claro que ter um estilo de vida saudável não garante que uma pessoa não tenha câncer, mas mudar os hábitos e melhorar o estilo de vida pode, sem dúvida, contribuir muita na prevenção.
Ser gordinho ou obeso é um problema de saúde e não deve ser negligenciado.
Ame-se. Cuide-se.
Pode ser difícil no começo, mas vai valer a pena.

Uma vida saudável começa pela alimentação!
Consulte sempre um nutricionista!

Última Edição