Falta d’água no último final de semana traz transtorno para a população

Publicado em 24/12/2020 00:12

Por Bárbara Scholl

O ano de 2020 não vem sendo nada fácil com a falta de água para os moradores da Estância Turística de Santa Fé do Sul.
No último sábado (19), depois do almoço o Saae Ambiental informou através de sua rede social, no Facebook, que por problema eletromecânico na bomba de captação de água da represa foi interrompido o fornecimento para realizar o reparo, e, com isso, alguns bairros do município ficaram sem abastecimento de água no sábado e no domingo.
Além disso, comunicaram que a troca da peça já estava sendo providenciada, pedindo que a população compreendesse o ocorrido.
No sábado, em Santa Fé estava fazendo muito calor e, depois do informe do Saae, muitos moradores reclamaram nas redes sociais sobre a falta de água e de respeito para com a população.
Se para uma família que mora em uma casa com muitos membros e tem caixa d’água em casa já iria sofrer transtornos com a falta de água, imagina para quem não tem caixa d’ água e tem muitos membros morando juntos, sem contar o calor.
Em entrevista a O Jornal, a moradora de Santa Fé do Sul B. A. S., que mora no bairro São Francisco, relatou que esse caos que vem ocorrendo no município é uma falta de respeito com a população. “Uma hora é racionamento que ocorre na cidade que, ao invés de ficarmos um período sem água, o Saae corta a água quase o dia inteiro. Agora, teve o problema eletromecânico na bomba e ficamos sem água dois dias em um final de semana de muito calor. É muita falta de planejamento”, salientou.
A moradora falou que tem caixa d’água em sua casa, mas, como mora com mais membros da família, a água acabou no domingo depois do almoço, mesmo com todos fazendo economia.
Ela disse que para tomar banho no domingo teve que ir à casa de parentes, pois eram 20h e a água ainda não tinha voltado. “Eu e a minha família fomos tomar banho na casa de um parente que mora na Vila Mariana”, explicou.
B. A. S. afirmou que a água voltou na sua casa só depois das 22h do domingo, mas bem fraca.
Ela enfatizou que ficou muito indignada com descaso que o Saae trata a população. “Todas as minhas contas estão pagas em dia, principalmente as de água. Agora acontece esse problema e o Saae trata a população com tamanho descaso e nos deixa sem água dois dias. Isso é muita falta de respeito para com a população”, frisou.
A moradora espera que a partir do ano que vem a próxima administração possa ser mais organizada, que não deixe a população na “mão”, como a atual administração deixou nesses últimos meses. “Sei que os membros da próxima administração não são ‘deuses’, mas espero que tenham mais planejamento e que tragam soluções para que as pessoas não fiquem sem água, tendo que passar por muitos constrangimentos”, finalizou.

Última Edição