Ficcap 2019 será realizada pela empresa santafessulense Kalli Produções Musicais

Publicado em 13/04/2019 00:04

Por Lelo Sampaio e Silva

O empresário Fábio Aparecido Prates Pereira, diretor da FFS Locações e Produção de Eventos Eireli, de Pereira Barreto, entregou, na tarde da última terça-feira (9), um ofício para a comissão de Licitação da Prefeitura de Santa Fé do Sul desistindo de continuar na Concorrência Pública para usar o Recinto “Dr. Rodolfo Abdo” para a realização da Ficcap 2019.
Ele afirmou que “não tinha conhecimento da condenação em sua pessoa física, impedindo-o de contratar com o poder público e afirma que a FFS, que concorria ao certame, não tem qualquer condenação”. Afirmou também que “por hora não tem qualquer documento que demonstre uma revisão ou anulação da referida condenação que o proíbe de contratar com o poder público”.
Ainda no ofício, consta que “a FFS não pretende discutir mais o assunto e que não irá prejudicar a organização do evento”, e seguiu requerendo a desistência do processo licitatório.
Entretanto, na última segunda-feira (8), a empresa Kalli Produções Musicais Eireli, através de seu proprietário Fábio Whitaker Gonzales, representou, junto ao Ministério Público, a empresa FFS Locações e Produção de Eventos Eireli, para que o mesmo tome as devidas providências e apure se houve ou não crime nesta e em outras licitações anteriores.
Ontem (12), após análise do departamento jurídico da Prefeitura de Santa Fé, a comissão de Licitação, diante da desistência apresentada e obedecendo às regras do edital, convocou a empresa segunda colocada no certame, a Kalli Produções Musicais Eireli, de Fábio Whitaker Gonzales, que ofereceu R$ 104.700,00, para honrar os valores da sua proposta para a efetivação do contrato para que a referida empresa possa utilizar o recinto da Ficcap para a realização da festa.
Como todos os documentos da Kalli Produções Musicais Eireli estão em ordem, seu proprietário prontamente ratificou seu lance ofertado e resta agora somente os trâmites legais para a adjudicação e homologação do contrato, que deverá ocorrer no início da próxima semana.
Em entrevista a O Jornal, Fábio Whitaker, mediante alguns comentários de que restam poucos meses para a realização da festa, haja vista que ela acontecerá entre os dias 19 e 24 de junho, afirmou que “em outra ocasião realizamos a Ficcap em bem menos tempo e o resultado foi um grande sucesso. Sendo assim, acredito que com a experiência que já temos em organizar esse tipo de evento, na maioria das vezes, em um curto prazo de tempo, este não será o problema, e com certeza todos podem esperar uma grande festa, e o melhor, de portões abertos”.

Última Edição