Santa Casa de Santa Fé faz a entrega do último quarto reformado da ala particular

Publicado em 29/11/2018 00:11

Por Bárbara Scholl

Na manhã de terça-feira, dia 27, foi entregue na Santa Casa de Misericórdia de Santa Fé do Sul, o último quarto da ala particular, que foi reformado pelo casal de empresários Luís Fernando Moreira Sanches e Mirlei Boracini Sanches, juntamente com o Clube Nipo Brasileiro de Santa Fé do Sul.
Estiveram presentes os membros do Grupo Irmandade da Congregação, o provedor da Santa Casa, José Biscassi; a coordenadora de eventos, Sônia Gulli; alguns membros da administração daquela entidade; o presidente do Clube Clube Nipo Brasileiro de Santa Fé do Sul, Ceju Morikawa; o vice-presidente, Sergio Kobayakaua; o tesoureiro, Marcos Hokazono e o casal de empresários Luís Fernando Moreira Sanches e Mirlei Boracini Sanches.
De acordo com Mirlei Sanches, o dinheiro que foi doado para a entidade foi arrecadado durante sua festa Bodas de Pérola, realizada no dia 14 de julho deste ano. “Resolvemos pedir presentes aos nossos convidados de forma diferente, sendo que no lugar dos presentes, eles doassem qualquer valor em dinheiro, pois nós iriamos doar para uma entidade, e a escolhida foi a Santa Casa, pois é um local que toda a população usufrui. Ficamos muito honrados, pois todos os nossos amigos foram generosos e abraçaram esta ação com carinho”, enfatizou.
O empresário Luís Fernando comentou que o valor arrecado pelos amigos na festa, lhe surpreendeu. “Nossos amigos foram muito generosos, e nós não esperávamos que iriamos conseguir um bom valor para a doação”, destacou.
Ceju Morikawa afirmou que a população do município ajuda o Clube Nipo de Santa Fé, e o Clube colabora com a Santa Casa. “A obrigação nossa é de estarmos sempre ajudando a Santa Casa, nós temos que retribuir de alguma forma”, salientou.
José Biscassi ressaltou que é muito satisfatório ver o casal de empresários e o Clube Nipo de Santa Fé, juntos, para a reforma do quarto da entidade. “Esta ação é de suma importância, me deixando muito satisfeito, pois quando eu comecei a reformar a ala particular, pensei que não iria dar conta, mas conseguimos, com isso, todos quartos foram reformados com a ajuda de muitos empresários, e cada um ajudou como pode”, enfatizou.
O provedor destacou que qualquer ajuda é muito bem vinda para a Santa Casa. “Toda ajuda que recebemos é gratificante, pois a entidade é uma empresa que precisa de colaboração, pois todos nós sabemos a situação que estamos passando na Saúde, e, desta feita, estamos sempre contando com o apoio da população”, finalizou.

Última Edição