Já é Quaresma!

Publicado em 17/02/2018 00:02

Por Daniel Cucolo.

A época em que as galinhas não botam ovos!
Diz a lenda que elas não botam por solidariedade ao sofrimento de Jesus, mas já ouvi dizer também que não é nada disso não, que o que acontece é pura vaidade de galinha mesmo.
Essa é uma fase em que as galinhas trocam todas as suas penas, do bico até o rabo.
É um momento de baixa estima das penosas, quando elas resolvem ficar bem longe dos galos, mas isso eu não posso garantir…
O que eu sei mesmo é que na Quaresma, numa noite de lua cheia, se aparecer no seu portão um cachorro estranho, peludo e feio, fale pra ele voltar outro dia para buscar sal.
Se no outro dia alguém aparecer pedindo sal, essa pessoa é um lobisomem.
O lobisomem é o ultimo de sete filhos e não tem vida fácil não.
Depois de transformado é que o bicho pega pra ele…
Tem que visitar sete cemitérios, sete colinas, sete encruzilhadas e sete igrejas, e só assim retomar sua forma humana.
Das crendices todas, as que eu mais gosto são as que acontecem na sexta-feira maior…
Neste dia,
Não pode cortar unhas…
Dá unheiro ou dor de dente.
Não pode fazer barba, nem aparar os pelos.
Depilação?
Nem pensar!
Não pode varrer a casa…
Porque “faz mal” e porque varrer a casa é o mesmo que varrer os cabelos do nosso senhor.
Mas o melhor mesmo é que nesse dia não pode trabalhar, não pode fazer nadinha de nada.
Ô coisa boa!
Vêm ni mim lobisomê!

Última Edição