Coronavírus – Covid-19: Por que não usar a Cloroquina ou a Hidroxicloroquina?

Publicado em 20/06/2020 09:06

Em meio a grave e letal pandemia produzida pelo coronavírus SARS CoV-2 que vem atingindo praticamente todos os países do planeta e se propagando numa verdadeira progressão geométrica e em velocidade astronômica jamais vista antes, cujo número de pessoas infectadas já se aproxima de 2 milhões, com cerca de mais de 100 mil mortos, instalou-se uma lamentável e desnecessária crise política paralela, decorrente de uma inaceitável batalha tão letal e virulenta quanto o próprio coronavírus, referente ao uso ou não de medicamentos com os princípios ativos conhecidos por Cloroquina (chloroquine) e a Hidroxicloroquina (hydroxychloroquine), já existentes para o combate de outras doenças, como a malária, a artrite e o lúpus.
A maior crítica daqueles que se posicionam contra o uso da chloroquine e da hydroxychloroquine, é no sentido de que ainda não há estudos científicos definitivos, precisos e seguros quanto à eficácia com relação à Covid-19, bem como em razão das referidas substâncias apresentam efeitos colaterais, que desautorizariam o uso daqueles princípios ativos, embora haja uma unanimidade de opiniões no sentido de, até o momento, não existir nenhum remédio específico para enfrentar essa nova doença.
Importante destacar, que a referida doença surgiu na cidade de Wuhan, China, no final do ano passado (dezembro) e, obviamente, ainda não houve tempo hábil suficiente para a descoberta de remédios e/ou de vacinas para evitar a contaminação ou mesmo a cura da referida doença.
Por outro lado e agora sim, uma luz no fim do túnel está surgindo como o uso off-label das substâncias chloroquine e hydroxychloroquine, até destinada a outras doenças, mas que, ainda nesse curto espaço de tempo, tem apresentado resultados que surgem como uma verdadeira gota de esperança nesse sombrio momento de desespero e pavor de uma pandemia generalizada, com dimensões jamais imaginadas e com rápido e crescente número de mortos, que a cada dia aumenta em verdadeira progressão geométrica.

Última Edição