Gilberto A. Luiz

20/04/2019 00:04
A melhor posição para quem joga futebol é a de centroavante. Você faz gol. A torcida vibra. É um êxtase. Central tem vida sofrida. Correr atrás do artilheiro para impedir que ele faça o tão desejado gol. Bim, amigo do Cidinho, cunhado da Andreci e irmão do Joel, nasceu [+] leia mais
13/04/2019 00:04
Republico a crônica ‘Macaubinha’, porque viajando para a capital bandeirante fui informado pelo ex-prefeito, amigo e advogado Aparecido Donizeti Carrasco, que ‘Macaubinha’ havia falecido e a família cumpriu seu último desejo de ser enterrado na cidade de Três Fronteiras, confirmando o amor dele pela cidade e por seu povo. [+] leia mais
6/04/2019 00:04
A inteligência exige desenvolvimento e, portanto, o esforço é importante para consegui-la. Deve-se ‘ser livre’ para pensar e para se formar enquanto pessoa humana. Ocorre que, na procura de entendimento das coisas, não podemos ser uns ‘cegos apaixonados’, pena de, no final, com o excesso de ‘paixão’, faltar discernimento. [+] leia mais
30/03/2019 00:03
A festa era nacional. Os poetas faziam suas letras desfilarem festivamente nas passarelas de música. O Festival da Record revelou Caetano Veloso, Chico Buarque, Geraldo Vandré, Edu Lobo, Gilberto Gil, dentre outros de conhecimento nacional. Nossa urbe, hoje Estância Turística, já teve seus festivais que povoam a memória regional. [+] leia mais
23/03/2019 00:03
A primeira vez que me encantei com um local onde as pessoas se reúnem, trocam ideias, saboreiam um petisco e uma cerveja foi quando conheci a ‘Lanchonete Rodão’ aqui em Santa Fé do Sul. Sem desprezo às lanchonetes de hoje e sem saudosismo, igual ao Rodão nunca mais vi. [+] leia mais
16/03/2019 00:03
Conceitualmente é a designação de organizações compostas por cidadãos comuns armados, com ‘poder de polícia’. No Rio de Janeiro as milícias comandam vários ‘negócios’, lícitos e ilícitos. Assim como o ‘torturador’ o miliciano acha que é do lado do ‘bem’. Os milicianos se acham ‘bons’, ‘perfeitos’, mas não são. [+] leia mais
9/03/2019 00:03
Minha adolescência em Três Fronteiras foi ouvindo as frases que o tempo perpetuou e daí se tornaram lemas da sabedoria popular. Dentre muitas as que não esquecem são: ‘Quem não tem cão caça com gato’. Essa expressão foi modificada pelo tempo; anteriormente era ‘quem não tem cão caça como [+] leia mais
2/03/2019 00:03
A ‘viagem’ de um cowboy é de 8 segundos no lombo do boi. A ‘viagem’ também foi uma telenovela brasileira produzida pela Rede Globo que tratava do ‘mundo do lá de lá’. Nossa ‘viagem’ em Três Fronteiras foi em torno do ano de 1977. O Gegê (Geraldinho) solicitou ao [+] leia mais
23/02/2019 00:02
Nas relações humanas o que menos interessa é julgar. Julgamento, aliás, deveria ser ato privativo de juiz, que o faz por fundamento constitucional. Nós outros que não entregamos a prestação jurisdicional, normalmente, o fazemos por moralismo e, geralmente, falso. O importante é ver as coisas. E ver significa só [+] leia mais
16/02/2019 00:02
Há fatos que chamam atenção e que passam a modificar a vida quotidiana de uma cidade ou de um país. No curso da vida há fatos que também chamam atenção, tais quais o desentendimento, uma doença, a morte, (exemplos de fatos desagradáveis) e alguns agradáveis, a exemplo do sucesso [+] leia mais
2/02/2019 00:02
Embora cientificamente haja a denominação de desastre antropogênico que é aquele ligado à atividade humana. Os desastres naturais, tais como tsunami, terremoto, vulcão em nada se assemelham ao que ocorreu na cidade mineira. Os desastres naturais não podem ser controlados. Os antropogênicos normalmente são provocados por atividade humana e [+] leia mais
26/01/2019 00:01
A Festa do Peão de Barretos entrou para a história, mas em Três Fronteiras temos Francisco Rozalino de Souza, pai do Marquinho e do Edinho, casado com Dona Antônia, e Chicão é uma pessoa pioneira dos ‘rodeios de peões’ regionais. Foi ele o primeiro presidente de rodeio na cidade [+] leia mais
Colunas
Última Edição