De Olho na Câmara – Edição de sábado – 11/08/18

Publicado em 11/08/2018 00:08

Por Kacoal Everaldo

A omissão por parte dos vereadores, em aceitarem calados o possível fechamento da UTI da Santa Casa de Misericórdia de Santa Fé do Sul, mostra que os parlamentares estão mais preocupados em fazer campanha eleitoral para os seus caciques do que resolver os problemas do município.
Neste momento de crise econômica, é importante que os vereadores se disponham em buscar recursos dos governos estadual e federal, até porque o que não se pode é transferir toda a responsabilidade para o prefeito de Santa Fé do Sul, uma vez que nenhum deles ressaltou a importância de todos os prefeitos cujas cidades são atendidas por aquele hospital, no sentido de angariar fundos para o funcionamento do mesmo.
O fechamento da UTI Santa Casa local, além de trazer riscos aos pacientes, uma vez que teriam que ser transferidos para a unidade de Jales, já que é a mais próxima, sobrecarregaria o hospital daquele município.
Entende-se que a única solução para a manutenção do atendimento hospitalar da microrregião requer a união de vereadores, prefeitos e deputados da região em prol da manutenção dos subsídios repassados à entidade, afinal ela atende desde a população mais carente até as pessoas que possuem condições de pagar por um atendimento particular, e são todas essas pessoas que elegeram e elegerão os políticos.

Última Edição