Enem 2018 no horário de verão: veja dicas para não perder o 1º dia do exame

Publicado em 3/11/2018 00:11

Os mais de três milhões de candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) que farão as provas em dez estados e no Distrito Federal no horário de verão podem evitar sofrer com os efeitos da mudança no relógio com uma pequena mudança de hábito: dormir uma hora mais cedo na véspera do exame. Essa é a dica do endocrinologista Fabiano Lago para os estudantes que “perderão” em 4 de novembro. Em 2018, o primeiro dia do horário de verão coincide com o primeiro dia de provas do Enem. Nos anos anteriores, o horário de verão começou pelo menos uma semana antes do exame, o que deixava tempo para os estudantes se acostumarem à mudança.
Porém, dessa vez, os dois eventos acontecem no mesmo dia, o que exige dos candidatos atenção e planejamento. Para os 3.087.626 de estudantes inscritos que farão a prova nos estados com horário de verão, o cuidado é para descansar. Para os 2.426.036 candidatos que moram nos demais estados brasileiros e farão as provas parcialmente em um horário local matutino, o cuidado é para checar o horário local das provas e se preparar para não passar fome.
Dicas para quem entrará no horário de verão
Dez estados e o Distrito Federal estão incluídos no horário de verão. Eles ficam nas regiões Sul, Sudeste e Centro Oeste. São eles: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal.
Estados que permanecerão no mesmo horário oficial de Brasília são Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. Fonte: Globo.com

Última Edição