CIRURGIA NO CÉREBRO É FEITA COM MULHER ACORDADA

Publicado em 11/08/2017 13:08

Maria Filomena, auxiliar de 45 anos, passou por uma cirurgia neurológica na última segunda-feira, dia 7, em que ficou o tempo todo consciente. Para que a equipe neurológica pudesse controlar cada movimento, a anestesia foi dada de modo que a paciente ficasse apenas sonolenta, atendesse aos chamados e pudesse conversar. Esta foi a primeira vez que algo do tipo foi realizado em um paciente com tumor na área da fala no Hospital de Base. Nesta sexta-feira, 11, ela está voltando para casa.
A moradora de Cedral descobriu em 2015 um tumor no cérebro. A massa estava localizada na área da fala, o que tornava a cirurgia mais arriscada, por isso houve a demora em realizar o procedimento.
A cirurgia foi feita com Filomena acordada para que ela pudesse, ao longo da operação, identificar objetos e cores, ler e conversar. Isso foi importante para que a equipe evitasse atingir alguma área do cérebro que comprometeria funções como a fala. Durante a cirurgia, ela chegou a cantar uma canção católica que compôs.
O procedimento começou por volta das 12:30 horas e terminou às 20:00 horas. Filomena está bem, conversando e andando.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Diário da Região

Última Edição